Resenha: C791 – Cyborgs More Than Machine – Eve Langlais

resenha_cyborgs

Sinopse:
Supõe-se que as máquinas não devem ter sentimentos, mas este Cyborg não pode evitar em se apaixonar por uma humana. Designada a coletar amostras de um Cyborg capturado, Chloe se sente intrigada com a máquina tão semelhante ao homem. Sequestrada por ele durante sua fuga audaz, ele mostra que apesar dos chips em seu cérebro, sua humanidade não se perdera por completo. Anteriormente conhecido como unidade X109GI, Joe está imerso em uma busca para descobrir suas origens. Embora ele não encontre as respostas que está procurando, descobre que o amor e a luxúria não são apenas para os seres humanos. Mas quando se trata da batalha entre a lógica e o amor, qual lado poderá escolher esse organismo cibernético… Que uma vez fora humano? Entretanto, a avaliação de seus sentimentos terá que esperar, pois os militares querem os segredos escondidos na mente de Joe. Mas suas ameaças contra ele empalidecem diante da surpreendente descoberta do projeto C-791, a revelação que atordoa os Cyborgs rebelados… E acende a fúria da vingança.

separador
Gente, jamais… jamais…. e olha que digo novamente… jamais imaginaria ler algo sobre cyborgs fodedores revolucionários!!!! NUNCA NA MINHA IMAGINAÇÂO pensaria em algo do tipo. Caramba, é muito “nonsense”!!!!!!!!!!!!
A história começa com a revolução dos cyborgs liderado por C791, futuramente conhecido como Joe, que desperta de sua condição permissiva e descobre que ele e seus companheiros estão prestes a serem descartados. Em outras palavras, serão destruídos por não terem mais valia para o exército.

“O que tem esta fêmea humana para atrair meus instintos mais primitivos?” – Joe/C 791

Irritado com a forma que o comandante da nave propõe se livrar desses soldados, Joe inicia a revolução em conjunto com outro cyborg “defeituoso” (assim tratados por possuírem um defeito no chip integrado ao cérebro). Assim, começa a luta pela sobrevivência de sua espécie.
Bem, daí ocorre o lapso temporal de 20 anos, em que vemos Joe em uma enrascada daquelas. Preso em uma base militar e sendo cobaia do exército, o pobre cyborg encontra algo que não imaginava em sua vida: o sentimento de amor (ok, vamos ser sinceros aqui, é mais luxúria…pronto falei!!!!).

“Não importa o quão humano pareça, não importa o que diga, lembre-se apenas que é uma máquina e um inimigo da Terra.” – Chloe

A técnica de enfermagem Chloe abomina de início (óbvio!) o nosso cyborg gostosão, justamente por causa da história da revolução, em que esses seres são caracterizados como cruéis assassinos, estupradores e raptores de mulheres. Mas, não demora muito para a atração crescer entre eles. É, não demora mesmo. Daí, queridos… a coisa entra em curto circuito (hahahaha tá, piada infame).
Não sei se é o preconceito falando, mas o livro é muito artificial. Traz uma ideia muito óbvia de ficção cientifica: cyborgs sendo usados como supersoldados e novamente os sensos de racionalidade e emoção como ferramenta para se tornar humano. A autora abusa destes conceitos e não traz nada novo. O desenvolvimento da história é pobre, apenas para suportar o relacionamento amoroso (ou de luxúria!!!) de Joe e Chloe.
A narrativa é tranquila e nada muito surpreendente. Na verdade, fãs de ficção científica podem ficar chateados com o que irá ler, mas aos românticos de plantão a história é para vocês.
Para mim, um dos livros mais fracos que li este ano (e não entendo como vingou numa série). E como é Desafio de Leitura, tive que ler!!!!

“Ele agarrou sua mão e beijou a palma. “Eu te amo, pequena. Talvez não saiba como conquistá-la desta verdade, mas é o que sinto. É a sensação mais incomoda e, ao mesmo tempo, a mais gloriosa que já senti.”

Duas Estrelas (pq sou boazinha!)

2estrelas

Por Camilla Carvalho

Um pensamento sobre “Resenha: C791 – Cyborgs More Than Machine – Eve Langlais

  1. Pingback: Resumo de Leituras de Setembro | September Wrap Up | Cinco Garotas Exemplares

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s