Dica de Filme: The Girl in the Book

gitbart

Sinopse:
Centralizado no mundo editorial de Nova Yook, conta a história de uma jovem editora que é forçada a confrontar um capítulo problemático do seu passado quando um autor best-seller volta para sua vida.

Minha Crítica:
Para fazer a crítica deste filme não vou colocar o trailer porque ele realmente tem muito spoiler. Escrever esta crítica vai ser difícil falar sem dar algum. Sabe aquele filme que tudo é importante?

Inicialmente este filme me interessou pelo nome, falava de livro, e sabe como é, é o meu fraco… E também vi que era um filme independente, o que eu adoro e resolvi ver como era. E não me arrependi.

Emilly Van Camp (que todos conhecemos de Revenge) é Alice, uma pessoa que realmente não tem motivação nenhuma na vida. Dorme com homens aleatórios e desconhecidos, é desmotivada no trabalho, não consegue realizar o seu sonho de ser escritora, não consegue se entender com o pai dela (o que é totalmente compreensível assim que se conhece ele), enfim, é uma pessoa totalmente perdida.

Logo fica claro que ela tem algo preso no passado e que está relacionado com Milan Daneker, um escritor que está relançando seu maior sucesso literário. Alice não quer trabalhar com ele mas acaba não tendo alternativa o que a deixa ainda mais perdida.

Para reencontrar seu caminho, descobrir a si mesma e enfrentar seu passado Alice nos leva em uma história muito sincera, sensível e que alguns podem até achar meio parada, mas o clima combina totalmente com o que ela passa. A vida dela está em câmera lenta.

Adoro este tipo de filme que nos faz refletir sobre como levamos a nossa vida, se estamos conseguindo lutar pelos nossos objetivos, se estamos nos fazendo felizes. Gosto quando temos que nos questionar e parar para mudar quando não estamos satisfeitas com o rumo das coisas.

Eu dei algumas risadas, derramei algumas lágrimas e realmente me vi em Alice, não por ter passado por algum trauma, mas por sentir que as vezes até sabemos o que queremos mas não conseguimos chegar lá.

Recomendo bastante este filme e dou cinco estrelas.

my rating 5 stars

 

Por Mirela

 

8 pensamentos sobre “Dica de Filme: The Girl in the Book

  1. O filme é maravilhoso, mas o que mais me deixou curiosa foi saber se de fato havia um livro, busquei pelo título, procurei o nome do escritor retratado no filme e infelizmente não encontrei. Gostaria de saber se você teve essa mesma curiosidade e conseguiu encontrar algo. bjjs

    Curtido por 1 pessoa

  2. Foi incrível ver o filme, que pena que não pude ver no cinema mas adorei a experiencia, sou uma grande fã da atriz protagonista Emilly que faz a Alice (personagem) e confesso que não esperava nada e também o que me chamou a atenção foi duas coisa a triz e o titulo, sou muito apaixonada por livros e esse filme está completamente perfeito e claro que recomendo apesar que a minha unica motivação no começo foi pela atriz.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Desculpe, mas ninguém achou esse filme minimamente machista para uma produção escrita e dirigida por uma mulher? Mesmo sendo homem, fiquei com vergonha da maneira como a protagonista foi tratada, como no final das contas ela fica plenamente submissa a um sistema, tanto em relação ao amor quanto ao trabalho, além da previsibilidade da ações e das dicas fúteis deixada pela equipe nas cenas. No começo do filme, depois da apresentação dos personagens, na primeira cena em que Alice está no clube em que pratica escrita, aparece, no quadro-negro, “Nabokov”, bem grande e circulado. Que mais precisamos para decifrar o que será revelado? Além da ridícula escolha de nome: é a “Alice” do país da maravilhas, cuja garota inspiradora também possui um histórico de rumores de pedofilia com o autor Lewis Carroll. E digo isso porque não sabia nem da sinopse do longa quando entrei na sala de cinema para vê-lo. Não fossem suficientes as óbvias referências literárias, afinal, é a “Garota do Livro”, falta substância nos diálogos, nos personagens, nas escolhas, nos takes, que parecem que vieram direto de uma produção barata de televisão. Enfim, não posso exigir qualquer tipo de visão mais ampla e delicada, opinião é opinião. Mas ler este texto de 1800 toques, primeiro resultado em uma pesquisa do Google, explícita e exageradamente pessoal que se autoproclama “crítica” em um site de tom feminino me deixa preocupado.

    Curtido por 1 pessoa

    • Bom dia Henrique! Primeiramente vamos anotar a sua dica e mudar o nome desta nossa sessão, porque realmente, não fazemos aqui nada profissional a respeito de crítica ou resenha, apenas expressamos nossa opinião pessoal, sem buscarmos estar mais de acordo com o padrão das críticas profissionais.
      Quanto a sua percepção do filme, eu interpretei de maneira diferente. Não percebi o machismo que você citou, achei a personagem Alice bastante perdida e que fazia coisas auto-degradantes justamente para se punir, e de maneira nenhuma (na minha opinião) o filme passou alguma coisa que aconteceu com ela como certa, eu percebi que o tempo todo era para nos chocar e mostrar que não estava certo. Pode não ser o ideal para muitas pessoas, mas eu achei que o final era algo que podia fazê-la feliz. Para muitas pessoas este ‘sistema’ funciona. Não é para todos, mas tem quem goste deste tipo de final e busca isso para ser feliz.
      Também queria ressaltar que o nosso blog é sim, feminino, mas não feminista. A grande maioria dos livros que indicamos aqui são romances, histórias onde o principal objetivo do enredo é encontrar o grande amor, então não acredito que estejamos analisando ou defendendo a causa aqui, mas também de maneira nenhuma estamos fazendo apologia ao machismo. Apenas indicamos e comentamos livros e filmes baseados na nossa opinião pessoal, sem ofender ou defender nenhuma causa. Para muitos pode ser interpretado como fútil, mas somos apenas amantes da literatura do cinema de maneira informal.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s