Resenha: Donnie Darko, de Richard Kelly

donnie-darko-na-darkside-2016.jpg

Donnie Darko
Autor: Richard Kelly
Editora: DarkSide Books
Páginas: 254

Sinopse:

A história de Donnie Darko é fácil de resumir – e talvez por isso mesmo ele tenha se transformado no filme preferido de tanta gente mundo afora: um adolescente problemático, com sintomas de esquizofrenia e sonambulismo, escapa da morte quando uma turbina de avião cai no seu quarto. Ele passa a ter visões com Frank, o humano numa estúpida roupa de coelho, ou seria o contrário? Enquanto espera pelo fim do mundo (contagem regressiva em 28:06:42:12), e pelo Dia das Bruxas, Donnie enfrenta conflitos que todos nós já experimentamos em algum momento da vida: professores autoritários, a descoberta de uma paixão, hormônios à flor da pele, diálogos reticentes entre pais e filhos, a eterna busca pelo sentido da vida – se é que ele pode mesmo ser encontrado.

Além do roteiro original, Donnie Darko, o livro surpreende pelo conteúdo extra. A começar pelo prefácio exclusivo, assinado por Jake Gyllenhaal. O astro de sucessos como Zodíaco, Soldado Anônimo, Príncipe da Pérsia e O Segredo de Brokeback Mountain, que lhe rendeu uma indicação ao Oscar, até hoje é parado nas ruas por admiradores que querem saber sua opinião sobre o que realmente Richard Kelly quis contar em seu filme de estreia.

E se você também está curioso, por que não ler o que o próprio diretor e roteirista tem a dizer sobre Donnie Darko, Gretchen, Frank e companhia? Kelly concede uma robusta entrevista sobre todo seu processo de criação. Uma verdadeira aula sobre o amor ao cinema e as armadilhas da indústria do entretenimento.

Para ficar ainda mais completa, a Limited Edition da DarkSide Books – em capa dura, marcador exclusivo e aquela qualidade que qualquer leitor exigente sente gosto de exibir na estante de casa – traz uma surpresinha a mais: A Filosofia da Viagem no Tempo. Isso mesmo, uma reprodução de trechos do livro escrito por Roberta Sparrow, a Vovó Morte do filme. É o livro que Donnie lê para tentar desvendar o que está acontecendo no mundo ao seu redor. Agora você tem a mesma oportunidade. Quem sabe não encontre finalmente as respostas que tanto procurava?

separador

Minha resenha:

Acredito que Donnie Darko foi um dos filme que me fez literalmente “pirar o cabeção”! Com uma narrativa irregular, incisiva e cruelmente brilhante, Richard Kelly me fez entrar em um universo sem chão e puramente instintivo. Nada parecia certo e muito menos claro, mas o longa tem tantas cartas na manga que lhe faz pensar, torcer, se confundir, rir… e confrontar o que parece conhecido e normal.

Mas esta resenha é sobre o filme ou o livro, Camilla? Sobre o livro, é claro. E também sobre o filme. Sobre ambos. Sobre Donnie Darko.

“O livro não é melhor que o filme. O livro é o filme.” (Antonio Tibau)

Entenda, quem é fã do filme (euzinhaaaa!!!!!) ansiava por este livro. A DarkSide Books não decepcionou e nos trouxe uma edição linda, com uma diagramação perfeitamente coesa com o filme. Qualquer leitor, como você e eu, ficaria feliz de tê-lo na estante. Mas livro bom não é só aquele que tem uma capa linda e páginas perfeitamente ilustradas, exige-se um conteúdo a altura. E este livro tem de sobra…

Eu assumo que fiquei alucinada quando soube que Donnie Darko seria publicado no Brasil e mais contente ainda ao saber do compromisso e responsabilidade da editora em produzir um livro com qualidade. Logo, a DarkSide tem meu respeito e agradecimento como leitora. Muito obrigada mesmo.

Dito isso, vamos ao que interessa: o livro! Segurar o livro Donnie Darko é uma emoção, gente. É como ter um sonho realizado. (Sim, sou fã do filme e extremamente louca pela história. Quase um vício mesmo! Ou talvez uma compulsão. Difícil dizer.) Ver o universo complexo tão divinamente detalhado naquelas páginas só me deu fôlego para virar cada página e descobrir mais ainda.

“Do que se trata o filme Donnie Darko? Não faço ideia, pelo menos não conscientemente. Mas de alguma forma, eu sempre o entendi.” (Jake Gyllenhaal)

Veja bem, quem espera um livro com uma historinha sobre Donnie, sua família e as pessoas a sua volta, vai levar um banho de água fria. O livro traz muitas informações sobre a produção do roteiro, as influências do diretor e roteirista Richard Kelly, sua luta para vender e conseguir filmar esta história, sem cortes ou modificações sérias no roteiro, enfim tudo relacionado ao filme em si. Por isso, muitos cinéfilos e cinéfilas vão enlouquecer com tantos dados e conteúdos.

Então é um livro técnico, Camilla? Sei que você deve se perguntar isso neste instante. Eu acredito que aqui ocorre uma fusão entre o livro e o filme. Enquanto no filme vemos as perspectivas dos personagens e seu universo em colisão, a teoria da viagem no tempo exclusiva para a história, no livro se vê como tudo foi criado, dos trechos essenciais do livro da Vovó Morte tão aguardado pelos fãs até os acontecimentos que influenciaram a produção do roteiro e a realização do filme.

“Eu estava lá, implorando, dizendo que faria um roteiro de graça se eles fizessem um lançamento nos cinema.” (Richard Kelly)

Para isso, é indispensável ver o filme! Antes e depois. Faça isso, porque lhe dá mais sensações e clareza, pois Donnie Darko é um dos filmes que mexe com suas interpretações, afinal cada um pode chegar a uma conclusão diferente. E o melhor, ninguém está errado em supor qualquer teoria.

“Nunca existe uma única resposta para qualquer pergunta [sobre o filme]. A explicação de cada um muda de acordo com sua criação, o lugar onde foi criado, quem o criou.” (Jake Gyllenhaal)

E para quem gosta de ler ouvindo música, a trilha sonora do filme é uma companhia agradável e te faz entrar mais no clima.

Ainda sobre o livro, ele é dividido em cinco partes, que vão abordando aos poucos os principais temas e assuntos. Não vou discorrer muito sobre isso, porque é o “crème de la crème” do livro, porém eu assumo que desde a introdução o livro me ganhou. Afinal, não é todo dia que você lê o próprio tradutor ter espaço no livro em que está trabalhando.

“Desde o começo, sempre tentei criar coisas que eu queria ver, mas que nunca tinha visto.” (Richard Kelly)

Por fim, o trabalho expressivo da capa com a foto da fantasia de coelho sinistro de Frank, a lombada com a contagem regressiva “28:06:42:12” tão conhecida e as linhas do tempo em vários sentidos (e o aviãozinho lá!!!) contribuem para que toda atmosfera de Donnie Darko caiba nas suas mãos.

Excelente leitura!!!!!!!!!!

Classificação: 5 estrelas, 10 caverinhas e 1000 coelhinhos sinistros

Por Camilla Carvalho

2 pensamentos sobre “Resenha: Donnie Darko, de Richard Kelly

  1. Olá.
    Como fã do filme, fiquei tb bastante curioso com o livro… mas então ele não é um “romance”? É realmente um livro técnico sobre as filmagens?
    Uma dica, a propósito, para quem não assistiu: há a versão do diretor, mais estendida, muito mais “rica” (inclusive a trilha sonora me parece que tem algumas pontuais diferenças) e, eu diria, fundamental para se “entender” melhor o filme (ao menos a questão das viagens no tempo)… assisti ela antes até, e, depois, ao ver a outra, percebi como alguém que não tivesse visto a versão sem cortes perderia bastante da trama!
    Tem muitos outros “versões do diretor” por aí que são meros caça-niqueis, não acrescentam muito, mas esse, ao meu ver, foi um caso inexplicável (tal qual Blade Runner, embora no filme de Ridley Scott tenha obviamente se optado por um final mais “comercial”, palatável para o grande público) de erro na escolha da versão mais difusa, pelo fato de, como eu disse antes, neste caso acabar se deixando muita coisa fundamental para o processo de compreensão da ideia da trama de fora.

    Curtir

    • Excelente dica, Diego. Realmente Donnie Darko possui um universo maravilhoso e a versão do diretor vem a suprimir quaisquer lacunas sobre o entendimento do filme. Sobre o livro, não se trata necessariamente de um livro técnico, mas ele traz informações essenciais sobre o processo criativo de construção do roteiro e as inspirações de Richard Kelly. Tenho certeza que vc vai apreciar a leitura. Grata pelo comentário.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s