[Outubro do Terror] Resenha: A bruxa de Near – Victoria Schwab

0001

A Bruxa de Near (The Near Witch)
Victoria Schwab
Editora: Planeta
Páginas: 240
Ano: 2013

SINOPSE:

Na cidade de Near não existem estranhos e a velha história da Bruxa é contada apenas para assustar as crianças. Estas são as verdades que Lexi Harris ouviu durante toda a vida. Mas quando um estranho, um garoto que parece desaparecer como fumaça, surge em uma noite do lado de fora de sua casa, ela sabe que algo não está correto. Na noite seguinte, crianças começam a desaparecer de suas camas sem deixar qualquer vestígio e o estranho é o principal suspeito. Mas quando o garoto se oferece para ajudar na busca, algo no coração de Lexi diz que ele esconde outros segredos e não é o culpado. Ela estaria imaginando ou o vento parecia sussurrar através das paredes? Quando a busca pelas crianças se intensifica, o mesmo acontece com a necessidade de Lexi de saber sobre a Bruxa que talvez não seja só uma história para dormir…

RESENHA:
Continue lendo

[Outubro do Terror] Resenha: Alerta de Risco – Neil Gaiman

000000

Alerta de Risco
Autor: Neil Gaiman
Editora: Intrínseca
Páginas: 309

Sinopse:

É com palavras assim que Neil Gaiman apresenta Alerta de Risco, uma rica coletânea de histórias de terror e de fantasmas, ficção científica e conto de fadas, fábula e poesia que exploram o poder da imaginação.

Em “História de aventura”, Gaiman pondera sobre a morte e sobre como, ao morrer, as pessoas levam consigo suas histórias. No suspense “Caso de morte e mel”, ele nos presenteia com sua versão do mundo de Sherlock Holmes. Em “A Bela e a Adormecida”, duas conhecidas personagens de contos de fadas têm suas histórias entrelaçadas em uma releitura bastante original. “Hora nenhuma” é um conto muito especial sobre Doctor Who, escrita para o quinquagésimo aniversário da série de tevê, em 2013. E há também um conto escrito exclusivamente para esta coletânea: “Cão negro”, que revisita o mundo de Deuses americanos ao narrar um episódio que envolve Shadow Moon em um bar durante seu retorno aos Estados Unidos.

Um escritor sofisticado cujo gênio criativo não tem paralelos, Gaiman hipnotiza com sua alquimia literária e nos transporta para as profundezas de uma terra desconhecida em que o fantástico se torna real e o cotidiano resplandece. Repleto de estranheza e terror, surpresa e diversão, Alerta de Risco é um tesouro que conquista a mente e agita o coração do leitor.

Minha Resenha:

A versatilidade de se comunicar é o que faz Neil Gaiman um dos autores mais queridos de ficção na atualidade. Com um texto fluído, a linguagem que Gaiman emprega em seus livros é sempre impressionante e nesta coletânea de contos não poderia ser diferente. Continue lendo